NA ALEMANHA

Ônibus eCitaro da Mercedes eletrifica as rotas intermunicipais

45 ônibus elétricos foram entregues para a empresa de transporte Ludwigslust-Parchim (VLP), no estado de Mecklemburgo, na região do Noroeste da Alemanha

01/02/2023 09h27Atualizado há 1 ano
Por: Romulo Felippe

 

A eletromobilidade por ônibus é geralmente associada ao transporte urbano das grandes cidades em áreas com muitos habitantes. No entanto, o eCitaro totalmente elétrico da Mercedes-Benz consegue ir além das aplicações convencionais. No início deste ano, a empresa alemã de transportes Ludwigslust-Parchim (VLP), que opera no sudoeste da região de Mecklemburgo, na região do Noroeste da Alemanha, recebeu o último lote de 15 veículos que fazem parte da grande encomenda composta por 45 eCitaros.

 

"É incrível notar a flexibilidade do nosso ônibus eCitaro totalmente elétrico”, afirma Mirko Sgodda, Chefe da área de Vendas, Marketing e Serviços ao Cliente da Daimler Buses. “Ficamos deslumbrados com toda a qualidade apresentada em sua operação como ônibus intermunicipal, demonstrada por meio de equipamentos customizados e um conceito sofisticado na operação da Ludwigslust-Parchim".

 

A fim de preparar os veículos para que atuem da melhor maneira em sua operação intermunicipal, os bancos são montados sobre plataformas na parte dianteira do veículo e os passageiros podem contar com assentos confortáveis da marca Inter Star Eco com cintos de duas pontas. Além disso, os ônibus também apresentam revestimento das paredes internas em feltro, conectividade Wi-Fi (rede local para conexão sem fio) e entradas USB para dispositivos que tornam o eCitaro ainda mais agradável para os usuários.

 

Os motoristas, por sua vez, contam com banco aquecido e climatizado, espelho interno com ajuste elétrico e uma divisória que passa por toda a largura da porta da cabine, mantendo-os isolados em relação ao salão de passageiros. O aumento do ângulo de entrada facilita as operações em estradas irregulares e terrenos difíceis.

 

Esses ônibus eCitaro apresentam vários recursos de segurança, como assistente de proteção lateral (Sideguard Assist), assistente para condução econômica (Eco Driver Feedback), que contribui para que o motorista obtenha um estilo de condução mais moderado, e câmera de ré. Destaque também para o sistema de frenagem de emergência (Preventive Brake Assist), equivalente ao ABA 5 da linha O 500 de ônibus rodoviários da Mercedes-Benz do Brasil.

 

Com uma frota de cerca de 200 ônibus, a VLP opera, atualmente, 172 rotas em sua região. Dessa forma, com o volume de veículos adquiridos, aproximadamente um ônibus em cada quatro será substituído por um eCitaro totalmente elétrico da Mercedes-Benz. Por circularem em áreas com baixa densidade populacional e numerosas vilas, os ônibus da empresa requerem muita autonomia.

 

Com uma capacidade total de 378 kWh e duas posições para tomadas de recarga no lado direito, acima do eixo dianteiro e traseiro, a tecnologia de baterias do eCitaro proporciona uma estrutura sólida e apropriada para atender à demanda. Além disso, a VLP possui uma organização decentralizada que favorece o uso de ônibus elétricos. São 49 postos de recarga de baterias, que serão estabelecidos em 12 dos 13 locais de operação com 100% dessa eletricidade vindo de fontes de energia renovável.

 

O compromisso da VLP e de seus parceiros é reconhecido e respeitado em todo o setor. Stefan Lösel, diretor geral da empresa, recebeu este ano o Prêmio EBUS 2022, premiação ambiental nacional para transportes públicos. Homenageado como "personalidade em destaque no setor de transportes", no campo da mobilidade, o executivo recebeu a premiação pelo compromisso exemplar e criativo quanto a introdução dos ônibus elétricos em áreas rurais. A VLP é a primeira empresa de transportes da Alemanha que iniciou a migração em larga escala de seus ônibus para a eletomobilidade em áreas rurais.

  

A experiência prática da VLP com a operação dos ônibus elétricos vem correspondendo às expectativas. O eCitaro da Mercedes-Benz tem atingido uma boa autonomia, ultrapassando 300 quilômetros em operações diárias a depender da configuração selecionada. O veículo ainda retorna para a garagem com uma capacidade restante segura de aproximadamente 15%. Isso significa que uma quilometragem de cerca de 50 a 60 mil quilômetros por ano é viável.

 

A digitalização também desempenha um papel nesse contexto. A empresa de transportes Ludwigslust-Parchim vem utilizando os serviços da Omniplus On, que monitora a condição de operação dos veículos. O planejamento do uso e gestão da garagem foram desenvolvidos em estreita colaboração com os especialistas da IVU, empresa parceira da Daimler Buses.

 

Consolidado na Europa, o ônibus eCitaro totalmente elétrico é referência para o eO500U, chassi de ônibus urbano elétrico a baterias da Mercedes-Benz do Brasil, modelo que registra a entrada da Empresa na era da eletromobilidade em veículos comerciais no País.

 

O eO500U foi desenvolvido pela Engenharia da Mercedes-Benz do Brasil para a realidade do País, como para a América Latina. O conceito eletroeletrônico do chassi de ônibus elétrico brasileiro, englobando itens como baterias, direção, motores elétricos e eixos, segue parâmetros do ônibus integral eCitaro da Daimler Buses. Para maior qualidade e confiabilidade aos clientes, o veículo foi amplamente testado no Brasil e também na Alemanha.

 

“Esse é um lançamento muito especial para todos nós, mais um grande marco histórico na notável trajetória de pionerismo e inovação de 66 anos da Empresa no País”, diz Walter Barbosa, diretor de Vendas e Marketing Ônibus da Mercedes-Benz do Brasil. “Juntamente com nossos parceiros, estamos construindo um grande legado para a eletromobilidade. É muito bom saber que nosso time brasileiro faz parte do plano da Daimler Buses de oferecer veículos neutros em CO2 movidos a baterias e hidrogênio em todos os segmentos até 2030. Ou seja, vamos contribuir para a redução das emissões e para a descarbonização no transporte. Isso demonstra que estamos alinhados às tendências globais e locais da sustentabilidade, seguindo os pilares ESG”.

 

De acordo com o executivo, a Mercedes-Benz dará suporte a todos que fazem parte do ecossistema da eletromobilidade, especialmente nesse momento inicial de transição do motor diesel para a chegada da tração elétrica. “Apoiaremos os clientes, os motoristas, profissionais de oficina, gestores do transporte público, concessionários da marca, encarroçadores e demais parceiros. Nossas equipes também irão oferecer consultoria e treinamento técnico e operacional para as empresas de transporte de passageiros”, diz Walter Barbosa.

 

Os concessionários Mercedes-Benz estão sendo treinados e têm estrutura preparada para o atendimento especializado a clientes de ônibus elétricos. A Empresa está alinhada com os encarroçadores, fornecedores de peças, componentes e, agora também, empresas de energia elétrica e de infraestrutura de recarga das baterias.  

 

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários