Novo Volvo Master
Banner MBB top Site
Banner Librelatto top
LANÇAMENTO

Allison: duas novas versões da transmissão automática para caminhões

A transmissão agora também oferece aos frotistas de caminhão um caminho mais acessível para a eletrificação

05/07/2021 13h53Atualizado há 3 semanas
Por: Romulo Felippe
7.479

 

A Allison Transmission acaba de apresentar duas novas versões da sua transmissão totalmente automática xFE para caminhões médios da região EMEA (Europa, Oriente Médio e África). Já disponíveis, os modelos 3000 xFE™ e 3200 xFE™ foram projetados para motores com potência de até 370 cv, torque de 1.695 Nm (dependendo da aplicação) e peso bruto do veículo de até 28,5 toneladas.

 

Em comparação com os modelos padrão das Séries 3000 e 3200, as novas 3000 xFE e 3200 xFE podem reduzir as emissões de CO2 e o consumo de combustível em até 3,7%. Os maiores ganhos são obtidos em velocidades abaixo de 32 km/h (20 mph), dependendo da relação do diferencial, e acima de 72 km/h (45 mph).

 

A capacidade de rampa – competência de o veículo carregado superar uma grande inclinação a velocidade constante sem a necessidade de reduzir marchas e acelerar mais o motor –, também melhora abaixo de 48 km/h (30 mph). Essas características tornam as novas transmissões particularmente adequadas para aplicações urbanas de baixa velocidade e ciclos de trabalho com muito ‘anda e para’, como a coleta de lixo.

 

“Frotistas de caminhões de várias localidades estão sob pressão legislativa para reduzir as emissões e, claro, todas as frotas gostariam de reduzir seus custos com combustível. As novas transmissões xFE podem ser uma ferramenta crítica para ajudar fabricantes de veículos e frotistas a reduzir as emissões de CO2 em 15% até 2025 e em 30% até 2030, conforme exigência dos padrões de emissões da União Europeia para veículos pesados. Fazer mais com a tecnologia de diesel existente no momento é um ponto de partida mais acessível e ambientalmente mais responsável em direção à eletrificação e outros sistemas de propulsão de combustíveis não fósseis, para os quais também temos soluções de propulsão adequadas”, disse Sjoerd Vos, diretor de Marketing da Allison Transmission para a região EMEA.

 

As transmissões Allison xFE foram amplamente comprovadas ao longo de milhões de quilômetros rodados no trânsito e nos ônibus urbanos em todo o mundo. Ela aumenta principalmente a eficiência do combustível ao permitir o bloqueio de marchas em velocidades mais baixas, permitindo que o motor opere por mais tempo com maior força e menores rotações (rpm). Isso, além de reduzir o consumo de combustível e as emissões, também diminui o excesso de calor do trem de força, melhorando ainda mais o desempenho.

 

As novas 3000 xFE e 3200 xFE levam essa estratégia bem-sucedida mais longe, bloqueando na primeira marcha em vez da segunda, reduzindo a velocidade final, e encurtando a relação de transmissão de 5,37 para 5,91. Essas alterações foram feitas sem a necessidade de modificar seu desenho externo, encaixe, cronograma de manutenção ou peso em relação à Série 3000™.

 

Ambos os modelos são oferecidos com ou sem retardador e são equipados com o pacote de controles inteligentes Allison FuelSense® 2.0, que equilibram com precisão a economia de combustível e o desempenho. O FuelSense 2.0 conta com as seguintes características:

 

— Câmbio em Neutro nas paradas para reduzir ou eliminar a carga no motor quando o veículo é imobilizado.

 

— Gerenciamento da taxa de aceleração para mitigar uma direção agressiva, controlando automaticamente o torque do motor.

 

— O algoritmo inteligente DynActive® Shifting procede alterações sutis nos pontos de mudança de marchas de acordo com fatores como peso do veículo, inclinação da estrada, frequência de ‘anda e para’ e uso do acelerador.

 

As transmissões Allison xFE podem agregar às frotas benefícios ambientais significativos. Para exemplificar essas vantagens, a Allison apresenta uma simulação usando a Ferramenta Calculadora de Consumo de Energia de Veículos (VECTO), desenvolvida pela Comissão Europeia, e aplicada em um típico caminhão de lixo em seu ciclo de trabalho. Com base na redução de 3,7% do consumo de combustível e de emissão de CO2, os resultados mostraram que em um único caminhão, a economia no custo de combustível é da ordem de € 533/ano para cumprir com uma atividade em que seriam percorridos 20.117 km/ano.

 

Esse valor seria equivalente a uma eliminação de CO2, que corresponde a 3,8 barris de petróleo, 65 sacos de lixo reciclado que não foram descartados em aterro, ou 195.600 cargas de smartphones. À medida que as regulamentações mundiais voltadas para um ambiente mais limpo reduzem progressivamente as emissões permissíveis de CO2, essa economia não será apenas desejável, mas necessária.

 

Vários fabricantes de ônibus em todo o mundo optaram pelas transmissões Allison xFE desde seu lançamento, em 2015. Agora, a xFE já está sendo usada para algumas aplicações em caminhões. O Hyundai “Mighty” Light Duty Truck, por exemplo, está equipado com uma transmissão Allison 1000 xFE que engloba aplicações como coleta e entrega, recolhimento de lixo e atendimento a incêndios no mercado coreano, além ser exportado para a Austrália. Em 2020, a Allison lançou sua transmissão totalmente automática 3414 Regional Haul Series™, baseada na tecnologia xFE, para a América do Norte.

 



Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários