Transben projeta crescer 40 % e amplia frota com 320 caminhões

116

Empresa familiar com sede em Brusque, Santa Catarina, a Transben Transportes completou 20 anos em 2019. Além da matriz na cidade catarinense, a transportadora catarinense tem dois centros de apoio, um em Três Lagoas (Mato Grosso do Sul) e Rondonópolis (Mato Grosso), além de 10 filiais por todo o país.
Adriano Benevenutti, diretor administrativo, que é sócio do pai, José Benvenutti, diretor-presidente, informou desde 1969 a família está no ramo de transportes. Entre os diferenciais da empresa, o executivo destaca a ampla frota com equipe treinada e o rastreio de 100% dos veículos como medida de segurança.
A operação de logística da empresa atende grandes clientes como Havan, Klabin, GDC Alimentos, TBM fios, Britânia, entre outros. A Transben opera no sistema de fretamento completo. Transporta todos os tipos de carga da fábrica ou centros de distribuição até o cliente final com veículos dedicados com exclusividade à mercadoria das empresas que atende em todo o Brasil.
Os números da transportadora são grandes. A empresa encerrou 2019 com quase um milhão de toneladas de cargas transportadas, média de 80 mil por mês. Seus veículos rodaram de 36 milhões de quilômetros. Os números são 35% superiores a 2018 e, para 2020, a projeção é crescer mais 40%. O faturamento em 2019 alcançou R$ 250 milhões. Sua frota atual é de 882 veículos.
Esse número na frota se dá, pois recentemente a Transben adquiriu 320 caminhões da marca Volvo, sendo 250 FH e 70 VM que se somam aos atuais 562 veículos. Com o negócio a montadora sueca passa a ter 80% de participação na frota da transportadora, especializada no segmento logístico.
“Acompanhamos a evolução do mercado e investimos sempre em inovação em nossos caminhões. Isso nos ajuda muito em nossa estratégia de ser uma empresa ágil, segura e de tecnologia avançada”, diz Adriano.
“A Transben já era um cliente tradicional Volvo e essa aquisição consolida ainda mais essa parceria”, comemora Wilson Lirmann, presidente do Grupo Volvo América Latina. “O negócio foi fechado no final do ano passado e iniciamos 2020 com as primeiras entregas desse lote”, completa Alcides Cavalcanti, diretor comercial de caminhões da marca.
Sobre a preferência pela Volvo, o diretor da Transben afirma: “Já tive todos os tipos de caminhões e testamos. O conhecimento do dia a dia mostra que os veículos Volvo entregam resultados bem superiores em custo operacional, durabilidade, conforto, pós-venda. É o que tem de melhor hoje no mercado”, afirma Benvenutti.
Para ele, tão importante quanto à qualidade é a percepção de quem conduz os caminhões. “É o que motorista gosta, tem orgulho de dirigir. Não adianta ter um veículo robusto e forte que motorista não valorize”. Entre as muitas inovações e tecnologias, o empresário destaca o controle de médias dos caminhões Volvo. “Diesel é nosso maior custo. A Volvo permite monitorar onde o motorista acerta, erra e o que ajustar”.
A relação da Transben com a Volvo vai além dos caminhões. A empresa tem todos os produtos da marca: banco, consórcio, planos de manutenção, peças etc. A integração é tão elevada que a Transben finaliza a construção de uma oficina com três mil m² onde a Dicave, concessionária Volvo que atende a empresa, terá base para atender revisões.



A Editora Viver! publica, entre outras, as Revistas Caminhões e Viver!. É uma empresa especializada em publicações segmentadas. Possuí equipe própria de jornalistas e correspondentes pelo Brasil.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *